SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

PREVISÃO DO TEMPO

? ºC Marcelandia - MT
Titulo fixo

✦ Política

DISPUTA AO SENADO 14/05/2018 07:43

“Não tenho temor de perder, mas tenho histórico para ganhar”

Pré-candidato ao Senado, Nilson Leitão diz que está credenciado a disputar uma das duas vagas

 O deputado federal Nilson Leitão (PSDB) afirmou não temer enfrentar nas urnas os atuais pré-candidatos ao Senado. O parlamentar disse não ver problema em perder, mas lembrou que tem histórico para ganhar uma das duas vagas disponíveis na eleição deste ano.

Até o momento, são pré-candidatos a senador, além de Leitão, o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD), a juíza aposentada Selma Arruda (PSL), o deputado federal Adilton Sachetti (PRB), a ex-reitora da UFMT, Maria Lúcia Cavalli Neder (PCdoB) e a empresária Margareth Gettert Buzetti (PP).

“Não tenho nenhum temor. Disputa eleitoral é disputa eleitoral, ninguém pode temer. E a vantagem da política é que não tem empate. Você ganha ou perde. Eu não tenho temor, nenhum problema de perder eleição. Mas vou disputar para ganhar. Tenho histórico para isso”.

O tucano deverá ser um dos dois candidatos ao cargo na chapa de reeleição do governador Pedro Taques (PSDB).

 

Ele afirmou que o trabalho desenvolvido na Câmara Federal, em dois mandatos, o credencia para a disputa.

“Tenho recebido muito apoio das lideranças, tanto as partidárias como as setoriais e regionais. Não estou em um patamar melhor que ninguém, mas tenho um histórico, pois já passei por todas as funções”, disse.

“Fui vereador, deputado estadual, prefeito por duas vezes, deputado federal. Tenho credenciamento político. E dentro do Congresso consegui alcançar espaços que poucos alcançaram. O eleitor vota e te manda para Brasília e vejo que cumpri meu papel”, afirmou.

Leitão disse não saber, por ora, quem será o nome do grupo de Taques a concorrer ao Senado. Mas disse esperar que o governador, junto com o presidente do PSDB em Mato Grosso, Paulo Borges, construam uma chapa forte.

“Ainda temos um grande caminho pela frente. Hoje é tudo especulação. Mesmo os que já estão com alguém, podem não estar mais daqui para frente. Ainda não tem nada fechado até chegar o mês de julho”, disse.

“O cenário é de muito diálogo. Hoje, é tudo nebuloso. Quem está fazendo essas articulações é o presidente do partido, Paulo Borges. Eu tenho tentado fazer meu trabalho para garantir minha vaga ao Senado e chegar lá na frente em condições de colaborar”, completou.

MidiaNews


Titulo fixo
Titulo fixo

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

Cidade News Online Comunicações

Rua várzea Grande - 906 - Vila Isabel - Marcelândia

(66) 9999-41856

contato@cidadenewsonline.com.br

Copyright © 2012/2018 - CIDADE NEWS ONLINE - TODOS O OS DIREITOS RESERVADOS AO PORTAL
CONTATO@CIDADENEWSONLINE.COM.BR 

Titulo fixo
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo